Venham Mais 5 | Pregos | Porto | Carapaus de Comida

Sandes

Venham Mais 5 | Porto

8 Abr , 2016   Galeria

Era noite de Coliseu e apeteceu-nos variar: não haveria Santiago, nem Santiago F, e muito menos Santa Francesinha que, infelizmente, parece ter encerrado de vez. E, no entanto, não haveria como fugirmos muito da zona: a chuva estava bravíssima, a temperatura também não ajudava e queríamos assegurar-nos de que não veríamos o concerto molhadas até ao tutano e paralisadas de frio, pelo que a opção pelo Venham Mais 5, depois de uma breve busca na Zomato por estaminés mesmo ali ao pé, eliminado aqueles de que já havíamos feito posta.
Fomos cedinho, o que nos permitiu não ter de esperar no corredor que nos conduz da primeira sala, com um balcão frio e pouco acolhedor, onde se cozinha a carne dos pregos e se fazem contas (ou se come ao balcão, em pé, para quem gosta da mística), a uma outra, com pormenores de decoração absolutamente inesperados (mas muito agradáveis), pelo menos para um estaminé que, visto de fora, parece um daqueles tascos onde não se janta, apenas se come e a correr muito. No mesmo corredor, onde rapidamente se formou longa fila de pequenos grupos, estão as “montras” com a sobremesa mais famosa da casa, o bolo de merengue de chocolate, o que nos permitiu imediatamente definir como acabaríamos a refeição.

Há mais uma sala lá fora, no pátio, sensatamente coberta (e também cheia) e, pareceu-me, um espaço qualquer num primeiro andar, embora o movimento me parecesse diminuto para lá (e, francamente, não me apeteceu ir investigar). Na sala principal, onde ficámos, as mesas estão tão coladas umas às outras que é impossível conversar sem ser ouvido e, pior ainda, sem estar ao corrente das estórias da vizinhança – mas ok, aquilo também não é restaurante onde estar muito tempo, mesmo porque a pressão dos olhares de quem espera em pé é fortíssima. Aliás, fossem alguns dos funcionários tão sensíveis a isso como nós e despachariam mais clientela no mesmo período de tempo.

Calhou-nos em sorte um empregado que, não tendo sido desagradável connosco (a não ser nos modos pouco polidos, que eu cá não acho que só os restaurantes de gama alta tenham de ter funcionários afáveis), era mal-encarado e foi desagradável com uma das mesas ao nosso lado, o que me parece sempre mau cartão-de-visita. Concomitantemente, como veremos, foi negligente com a forma como nos serviu, o que me desencorajou de lá voltar.

Em termos de oferta gastronómica, há alguns pontos em comum com o Portu’s, que aqui trouxemos recentemente, nomeadamente no que toca aos pregos e aos camarões em molho de alho e limão. Infelizmente, não provámos os últimos e prometi-me que voltaria para lhes aferir o travo (embora, como já expliquei, tenha mudado de ideias a este respeito). Já no que toca aos pregos, tanto o pão, bem fresquinho e sem miolo, como a carne, estupidamente mal passada, tenra e saborosa, são similares. O queijo, dito “da Serra” até poderá ser produzido numa serra qualquer, mas em nada se assemelha, quer em paladar quer em consistência, ao tipo de queijo assim registado – o que só me incomodou porque a designação ilude, já que o queijo simples servido (mais tipo flamengo ou coisa que o valha) é bastante agradável.

Com os pregos, pedimos batata frita e uma salada de tomate – infelizmente, só esta veio. E estava boa, não me interpretem mal, mas acho sempre má política que não se venda o que os outros estão dispostos a comprar. Não insistimos no pedido e aguardámos, para ver até onde iria a atitude desleixada, mesmo porque nos apercebemos de que teríamos de pagar no balcão à entrada e quis ver se nos pediriam que pagássemos o que não comemos.

Já muito depois de termos acabado os pregos, e com uma enorme fila de gente para ser sentada, lá consegui que o homem nos desse atenção: pedi-lhe dois bolos de merengue (e fui estupidamente simpática, aviso já, para não condicionar o mau humor do senhor: a ver se assim se tornava mais atento) e os belos dos cafés. Esperámos uma enormidade (felizmente estávamos com tempo), tive de o relembrar da coisa e, passado mais um bom bocado, lá vieram as sobremesas (o bolo é muito bom, devo dizer, antes de mais) – mas sem cafés.

Esperámos ainda uns bons quinze a vinte minutos antes de desistir: pedimos a uma outra funcionária o nome da nossa mesa (que deveria estar inscrita no mobiliário, para facilitar o processo de pagamento, já que não temos outro modo de nos identificar, para que nos tirem a conta) e dirigimo-nos ao balcão, sem dar cavaco ao nosso amigo.

E parece que sou bruxa: lá estava, as batatas e os cafés facturados. Felizmente, quem nos atendeu não teve dúvidas em retirar da conta os elementos que lhes dissemos estarem a mais (mesmo porque o empregado entretanto apareceu e confirmou a ausência dos cafés – das batatas já nem se lembrava), o que indicia um comportamento costumeiro que não considero profissional.

Vai daí? A conta foi curta, mas também não comemos grande coisa: 9€ a cada e pronto – o que faz do Venham Mais Cinco sítio ideal para ir numa corridinha trincar qualquer coisa, mesmo porque o que se come não é mau e a localização é privilegiada. Já aquele serviço precisa de melhorar imensamente, é pena que tenhamos de o dizer.

Venham Mais 5 | Porto
3.6 Carapaus
0 Cardume (0 votos)
Positivos
  • Os pregos
  • o bolo de merengue de chocolate
  • a decoração da sala interior
  • Negativos
  • O serviço desatento e pouco competente
  • as mesas demasiado próximas umas das outras
  • o estacionamento
  • Resumo
    É sempre bom descobrir mais um espaço, na Baixa do Porto, onde se comem belíssimos pregos; se a isso se juntar uma sobremesa original e bem acabada e uns preços muito simpáticos, num espaço decorado de forma interessante, parece termos encontrado uma pérola rara – mas não, e só porque o serviço macula tudo.
    Serviço2.5
    Comida4
    Preço/Qualidade4
    Espaço4
    O que diz o Cardume... 0 Deixe a sua avaliação.

    Seja o primeiro do Cardume a avaliar este Estaminé!

    Deixe a sua avaliação.

    Venham Mais 5 | Porto

    Morada: Rua de Santo Ildefonso, 219-233
    Localidade: Porto

    Telefone: 222 010 734
    Horário: Ter a Qui – 12h00 às 22h30 | Sex e Sáb – 12h00 às 23h00 | Dom e Seg – 12h00 às 22h00
    Aceitam reservas? Não

    No Zomato
    Venham Mais 5 Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato
    Não Se Esqueçam de Deixar os Vossos Comentários
    E vocês, já experimentaram a Venham Mais 5? Deixem-nos os vossos comentários no fundo da página. Obrigado!
    The following two tabs change content below.
    Ana Andrade

    Ana Andrade

    Agridoce, de tempero forte e gargalhada salgada.
    Ana Andrade

    Latest posts by Ana Andrade (see all)

    , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,


    Deixar uma resposta