Artigos

Bufete Fase

Foi com o desafio da AA feito à minha pessoa que tudo começou. O objectivo era provar as tão cobiçadas francesinhas do Bufete Fase situado na Rua de Santa Catarina mais próximo do jardim do Marquês. E que tal convidar o AV e o MS também adeptos desta iguaria portuense? Haveria mais amigos a convidar mas houve que ter em conta a pequena dimensão do Bufete com lotação para apenas 12/13 lugares sentados. O jantar dos ainda não Carapaus começou cedo visto a dificuldade em arranjar mesa aumentar a partir das 20h00. Read more

Bufete Fase

Antes de mais, o ser humano é bicho que gosta de deixar umas palavrinhas em momentos de inauguração (muito provavelmente, o resto da bicharada também, a malta é que não os percebe), pelo que não poderia deixar de dizer que é um prazer pertencer a este cardume que se predispôs, à mesa, a encetar este projecto – o que implica continuar à mesa, coisa que nunca é de somenos.

Vai daí, sejam bem vindos os que nos lêem. Nós prometemos comer, beber e contar-vos como foi. Read more

Bufete Fase

Dia frio, aquecido pela companhia dos restantes (prestes a tornarem-se) Carapaus. A AA nunca tinha experimentado as francesinhas do Bufete Fase e, por iniciativa da própria e da RV, lá fizemos uma visita a este mini restaurante na Rua de Santa Catarina. Como já conhecíamos o estaminé e as regras da casa, decidimos ir cedo (por volta das 19h30) para evitar a espera de mesa. Já vos falo do espaço… Durante alguns anos fui evangelista do Bufete Fase. Era menino para convencer mesmo quem não gostava de francesinha a experimentar (e fui mesmo). Para a eterna questão “Qual é a melhor francesinha do Mundo e quiçá do Porto?” não havia hesitação na resposta. A certa altura, o Bufete foi renovado; a minha fé não. Não posso dizer que as francesinhas sejam más (embora diga que já não me fazem palpitar o coração nem tilitar o bucho). O que mais me agrada é o pão, de forma e torrado. O molho já foi mais especial e o que me abala o apetite é a insistencia em servir batatas fritas congeladas. Como preciso de bastante substrato dado o meu tamanho acima da média, é um desconsolo ver a rapidez com que esta sandes desaparece do prato. Embora coma bastante depressa, também é verdade que o tamanho da sandocha está longe de satisfazer. Read more