Sushisan | Sushi | Porto | Carapaus de Comida

Comida Japonesa

Sushisan | Porto

1 Dez , 2017   Galeria

Quem me falou deste espaço foi a RP, que já conhecia o Sushisan de Lisboa e acabou por o visitar algumas vezes, já por cá: segundo ela, teria um rodízio com boa relação qualidade/preço, pelo que, mal acertámos agendas, lá fomos.

Começo por dizer que fiquei agradavelmente agradada com a localização, entre Oliveira Monteiro e a Rua da Boavista: ainda que pagando parquímetro, tive estacionamento à porta, com toda a facilidade – e quem mora no Porto sabe que isto vem sendo, cada vez mais, uma raridade, sobretudo no centro. Escolhemos ir ao almoço, não apenas por uma questão de conveniência, mas sobretudo porque o rodízio é 4€ mais barato do que ao jantar, o que nunca é de somenos.

O espaço é agradável e luminoso, beneficiando das janelas/montra, junto das quais escolhermos sentar-nos: mesmo num dia de chuva (e não era, de todo o caso) deve ser simpático comer ali. Há muitas mesas de 2 e 4 pessoas, mas rapidamente se constrói uma para uma dúzia de convivas, se for necessário: almoçou mesmo ao nosso lado um grupo grande e tudo correu sobre rodas.

Uma vez sentadas, fomos informadas de que o rodízio inclui uma sopa miso, uma entrada quente e um primeiro prato, com 20 peças de sushi e sashimi por pessoa. Depois, poderíamos pedir as repetições que nos aprouvesse, sendo que jamais podemos escolher as peças – tudo perfeitamente normal, para este tipo de oferta.

Vieram as sopas, saborosas e quentinhas e, logo de seguida um prato com umas peças de sushi quente – que não adorei e que considero serem a parte mais fraca deste almoço (não estavam más, repare-se, mas eram absolutamente banais). O prato maior, com as quarenta peças prometidas, veio depois (não houve tempos mortos, aqui) e estava francamente bonito: havia nigiris de salmão francamente bons, sashimi de atum, peixe branco e salmão (tudo a saber a fresco), uns gunkan de salmão muito saborosos e uns rolinhos com peixe branco braseado bastante originais. Numas colheres de loiça, vinham uns ceviches que me souberam pela vida. Nota menos boa, só mesmo para as peças com ananás, que tem um sabor demasiado avassalador e anula todos os outros, e para o uso de molhos de maionese, perfeitamente dispensáveis, mas condizentes com a promessa de “fusão e sabores inesperados” – o problema é que nem sempre as surpresas são agradáveis, para uma chatinha como eu, que gosta de peixe, arroz e nada de frutas e esquisitices, no sushi.

Pedimos uma única repetição e lá veio mais um prato com doze peças, de três tipos: um era um enrolado tipo califórnia, mas vermelhusco – o melhor dos três; dos outros dois não gostei, um porque vinha coberto de maionese (para quê, senhores? Para quê?), o outro porque vinha encimado com um molho branco e doce de maracujá, a remeter visualmente para os ovinhos de codorniz habitualmente usados na gastronomia japonesa praticada em Portugal.

Ou seja, a qualidade não é de todo homogénea, mas eu sou uma esquisitóide, para quem o sushi de fusão é uma aberração desnecessária: condescendo nos quentes (embora não sejam os de que mais gosto) mas não alinho nas frutinhas e muito menos nos doces e molhos. Para quem gosta destes cruzamentos, terá certamente uma experiência mais positiva.

Nota muito positiva para a carta de sobremesas e para a única que provámos : a RP estava a recuperar de uma maleita e sem muito apetite, pelo que acabámos por dividir um Tentasan, composto de mousse de chocolate, mascarpone, gelado de sésamo e amêndoas caramelizadas que nos soube pela vida. O simpático funcionário que nos aconselhou indicou-nos, ainda, o Haromaki San, que me ficou na retina pata uma próxima vez.

Acabámos por pagar cerca de 22€ cada uma, porque as quatro coca-colas que bebemos, os cafés e a sobremesa são pagos à parte – e é justamente por essas coisas que estes negócios dos buffet/rodízio são lucrativos. Obviamente que também há serviço à lista, para quem prefere escolher cada uma das peças e não ter surpresas – será mais caro, com certeza.

Não tendo rejubilado em absoluto com o Sushisan, por não apreciar o sushi de fusão, compreendo que o problema é meu (porque eles são claríssimos quanto à sua oferta) e não deixo de o recomendar vivamente, a quem gosta do género, não só porque a qualidade dos ingredientes é indesmentível, mas também pela simpatia do serviço e conveniência da localização.

Sushisan | Porto
4.1 Carapaus
0 Cardume (0 votos)
Positivos
  • O serviço
  • A sobremesa
  • Negativos
  • As peças com ananás e com maionese
  • Resumo
    Fora da confusão do centro, o Sushisan oferece um rodízio de sushi de qualidade média, com um serviço simpático e boas sobremesas.
    Serviço4.5
    Comida4
    Preço/Qualidade4
    Espaço4
    O que diz o Cardume... 0 Deixe a sua avaliação.

    Seja o primeiro do Cardume a avaliar este Estaminé!

    Deixe a sua avaliação.

    Sushisan | Porto

    Morada: Rua Doutor Emilio Peres, 62
    Localidade: Porto

    Telefone: 913 355 115
    Horário: Seg a Sáb – 12:00 às 15:00 e 20:00 às 23:00
    Aceitam reservas? Sim

    Data da Visita: 26 de outubro de 2017
    No Zomato
    Sushisan Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato
    Não Se Esqueçam de Deixar os Vossos Comentários
    E vocês, já experimentaram o Sushisan? Deixem-nos os vossos comentários no fundo da página. Obrigado!
    The following two tabs change content below.
    Ana Andrade

    Ana Andrade

    Agridoce, de tempero forte e gargalhada salgada.
    Ana Andrade

    Latest posts by Ana Andrade (see all)

    , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , , ,


    Deixar uma resposta